Os jogadores do Villarreal, Santi Cazorla e Nilmar, estão em risco de falhar o primeiro jogo da meia-final da Liga Europa com o FC Porto, caso a UEFA considere que os atletas forçaram a acumulação de cartões amarelos na partida da primeira mão dos quartos de final com o Twente.

A UEFA está a analisar a possível conduta antidesportiva de Santi Cazorla e Nilmar, que terão forçado a acumulação de cartões amarelos para “descansar” no segundo jogo dos quartos de final da Liga Europa. O Villarreal goleou a equipa belga na primeira mão por 5-1 e há indícios que os jogadores do clube espanhol terão forçado os cartões amarelos no jogo da primeira mão dos quartos de final, de forma a limpar o registo disciplinar para o jogo no Estádio do Dragão.

Caso o comité disciplinar da UEFA decida prolongar a suspensão, o médio espanhol e o avançado brasileiro não vão poder actuar frente ao FC Porto no jogo da primeira mão das meias-finais da Liga Europa.

Já esta temporada a UEFA havia castigado José Mourinho, Sérgio Ramos e Xabi Alonso por uma situação semelhante.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.