Os gregos do Olympiacos golearam, esta quarta-feira, os russos do Krasnodar por 4-0, ficando assim mais perto de garantir um lugar na fase de grupos da Liga dos Campeões.

No final da partida, Pedro Martins mostrou-se satisfeito com o resultado, mas cauteloso em relação à viagem à Rússia.

"Nada está decidido. O que o Krasnodar fez no Porto inspira-nos cautelas. Vamos para a segunda mão com todas as cautelas e com a intenção de sermos efetivos. Não podemos dar espaço ao Krasnodar para acreditar na reviravolta", analisou o técnico

"Penso que nem jogámos tão bem como isso. Acho que a nossa exibição foi inteligente e com muita paciência à mistura. Sabíamos que o Krasnodar abre alguns espaços na defesa e aproveitámos bem essa fragilidade deles", vincou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.