O Tottenham foi até a Moldávia vencer o Sheriff por 2-0, em jogo da 3.ª jornada do grupo K da Liga Europa.

André Villas-Boas voltou a dar minutos na Liga Europa a jogadores menos utilizados na Liga Inglesa, deixando de fora da convocatória Paulinho e Walker. No banco, alguns habituais titulares como Soldado, Sigurdsoon e Dawson.

Os Spurs fizeram valer o seu favoritismo no encontro e tomaram conta do jogo, instalando-se desde cedo no meio campo da formação campeã da Moldávia. O primeiro golo surgiu com alguma naturalidade. Aos 12 minutos, Erikson cruzou na direita e Vertonghen cabeceou para o fundo da baliza.

O Sheriff, apesar de não ter os recursos dos londrinos, ia respondendo em contra-ataque mas os avançados caíam muitas vezes em fora-de-jogo, perante uma remendada mas bem organizada defensiva do Tottenham.

Mesmo em vantagem, o Tottenham não criava verdadeiras situações de golo, apesar de maior posse de bola e de jogar instalado no meio-campo contrário. O futebol da equipa de André Villas-Boas era demasiado pausado, com muitas trocas de bola, sem intensidade.

Defoe, que tanto reclama por oportunidades, foi uma autêntica nulidade na primeira parte, tal como Erik Lamela, o argentino comprado por 30 milhões de euros a AS Roma.

Villas-Boas colocou Chadli e Holtby em campo no segundo tempo, (Dawson já tinha entrado na primeira parte no lugar do lesionado Fryers) mas o futebol dos Spurs não melhorou.

Mesmo a jogar a passo com jogadores que não são habituais titulares, o Tottenham fez o 2-0 aos 75 por Defoe, num remate de fora da área que desviou num defesa e enganou o guarda-redes Tomic.

Antes do 2-0, o Sheriff poderia ter empatado caso o árbitro Liany tivesse marcado uma grande penalidade, castigando falta de Sandro sobre um adversário dentro da área. O Tottenham somou a sua terceira vitória em outros tantos jogos e está quase na fase seguinte da prova.

No outro jogo do Grupo K, o Anzhi bateu o Tromso por 1-0 e saltou para o segundo posto, com quatro pontos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.