Os espanhóis terão começado a fazer contas à próxima fase da prova, na qual, tudo indica, vão defrontar o FC Porto, após o triunfo dos “dragões” em casa, pelos mesmos números, frente ao Spartak de Moscovo.

O ex-benfiquista Marchena inaugurou o marcador, aos 23 minutos, Borja Valero elevou, aos 43, Nilmar bisou, aos 45+1 e 81, e Giuseppe Rossi também deixou a marca no resultado, com um golo aos 55 minutos.

O tento de honra dos holandeses foi apontado pelo suplente Marc Janko, no primeiro minuto dos descontos.

A vitória da formação espanhola não sofre contestação e a única nota menos feliz da noite para o Villarreal foi mesmo a lesão do defesa argentino Gonzalo Rodriguez, que fracturou o perónio da perna esquerda.

O defesa, que foi internado no Hospital Jaime I, em Castellon, lesionou-se numa entrada mais dura do autor do tento do Twente, aos 70 minutos, tendo sido substituído por Joan Capdevilla.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.