Cerca de 300 adolescentes britânicos estão proibidos de entrar em estádios de futebol devido a actos de hooliganismo, um fenómeno que triplicou na Grã-Bretanha nos últimos três anos, segundo dados da polícia.

De acordo com as estatísticas, divulgadas pela cadeia de televisão BBC, os incidentes proliferam por todo o país, sobretudo em jogos dos campeonatos regionais, nos quais o controlo policial é menor.

Apesar de a violência não atingir os níveis verificados nos anos 70 e 80, a Associação de Chefes da Polícia considera que o fenómeno começa a ser preocupante devido ao número de jovens envolvidos.

As estatísticas indicam que em 47 por cento dos casos de hooliganismo registados na última temporada em Inglaterra, País de Gales e Irlanda do Norte, houve participação de jovens.

Em Setembro, um total de 3211 pessoas, entre as quais 290 adolescentes – um dos quais com 13 anos -, estavam impedidas de entrar nos estádios.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.