Sai um português, chega outro à baliza do Wolverhampton: José Sá é o novo guarda-redes dos ingleses, confirmou o clube esta tarde.

O guardião português assinou por cinco anos com os Wolves, deixando o Olympiacos, onde militou nas últimas três temporadas, arrecadando dois campeonatos gregos.

Apesar de o Wolverhampton não ter divulgado detalhes sobre o negócio, a comunicação social britânica adianta que o emblema da 'Premier League' pagou aos gregos cerca de oito milhões de euros pelo passe do guardião.

Após dividir a formação entre Palmeiras FC, Merelinense, Benfica e Marítimo, José Sá deu nas vistas na equipa principal dos madeirenses e foi contratado pelo FC Porto, em 2015, rumando posteriormente ao clube de Atenas, pelo qual conquistou dois campeonatos e uma Taça da Grécia, sob o comando do compatriota Pedro Martins.

Sá reforça, assim, o contingente luso dos ‘wolves’, juntando-se a Nélson Semedo, Rúben Neves, João Moutinho, Pedro Neto, Daniel Podence, Fábio Silva e Francisco Trincão, num plantel que esta temporada vai ser orientado pelo compatriota Bruno Lage, que substituiu Nuno Espírito Santo, atual técnico do Tottenham.

O guarda-redes de 28 anos chega para ocupar o lugar deixado por Rui Patrício, que rumou à AS Roma, de José Mourinho.

*Artigo atualizado às 18h50

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.