O avançado italiano Mario Balotelli admitiu hoje, na sua página pessoal na Internet, que assinou contrariado pelo Manchester City, da Primeira Liga inglesa de futebol, pois desejava continuar no seu país.

“Preferia ter continuado a carreira profissional no meu país, mas fui sujeito a muita pressão e alvo de muitas críticas, que me irritaram”, confessou Balotteli, que se sentia marginalizado no plantel milanês, depois de ter reagido com violência a provocações dos adeptos do clube.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.