David Moyes expressou já toda a sua alegria por ter sido o escolhido do Manchester United para a sucessão ao carismático Alex Ferguson.

Depois de 27 anos à frente dos red devils, o treinador escocês viu no compatriota que orientou o Everton na última década as qualidades certas para continuar a sua obra. Algo que Moyes não esconde ser uma «honra».

«É uma grande honra ser convidado para o cargo de treinador do Manchester United», afirmou David Moyes num comunicado divulgado pelo seu novo clube, acrescentando: «Estou muito feliz por Sir Alex ter considerado adequada a minha recomendação para este cargo. Tenho imenso respeito por tudo o que ele fez pelo clube».

«Sei quão difícil será suceder ao melhor treinador de sempre, mas a oportunidade de treinar o Manchester United não é algo que surja muito frequentemente e e estou bastante ansioso para assumir o cargo na próxima época», finalizou o escocês, de 50 anos.

David Moyes comandou o Everton desde 2002 e era já considerado há muito um potencial sucessor de Alex Ferguson, com este a revelar agora no anúncio oficial da sua contratação que chegou a pensar em Moyes para ser seu adjunto já no longínquo ano de 1998, quando este ainda dava os primeiros passos na carreira de treinador.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.