O treinador do Manchester United, o veterano Alex Ferguson, assumiu este domingo «a pior derrota da carreira» no humilhante 1-6 caseiro frente ao rival Manchester City, na Liga inglesa de futebol.

«Foi o nosso pior dia. É o pior resultado da minha carreira. Mesmo enquanto jogador, não me lembro de perder 6-1. Ainda não acredito neste resultado», desabafou o técnico que orienta os “red devils” há 24 anos.

Ferguson, de 69 anos, explicou o jogo: «O primeiro golo foi um golpe duro, mas ainda era recuperável. A expulsão de Evans (47 minutos) é que nos matou. Com 4-1, continuámos a atacar, ainda que devêssemos ter dito ‘é suficiente por hoje’».

Por seu lado, o treinador italiano Roberto Mancini reconheceu que tudo foi «mais fácil após a expulsão», mas lembra que «o Manchester City estava a jogar muito bem».

«São três pontos muito importantes. Poucas equipas vão ganhar aqui. Presto homenagem ao Manchester United pelo facto de continuar a atacar, mesmo reduzido a 10. É a prova de uma excelente mentalidade», concluiu.

Com o resultado de hoje, em encontro da nona jornada da prova, o City passou a contar mais cinco pontos do que os detentores do título.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.