Bernardo Silva mudou-se para o Manchester City mas antes de tomar a decisão, o extremo luso socorreu-se da ajuda de dois jogadores para confirmar a mudança para terras inglesas.

Em entrevista dada à revista "FourFourTwo", citada pelo jornal Record, o jogador português confirmou que Cristiano Ronaldo e Nani foram determinantes na mudança do jogador.

"Quando estava com a Seleção de Portugal na Taça das Confederações e prestes a assinar [pelo Manchester City], perguntei ao Cristiano Ronaldo e ao Nani sobre a cidade. Eles disseram-me o quanto gostaram de ter estado em Manchester, que as pessoas eram fantásticas e que é uma cidade que respira futebol. E a Premier League também - uma liga competitiva sempre com estádios cheios e todas a gente a assistir. Ambos me disseram que seria uma boa mudança", revelou Bernardo Silva, que acredita numa boa campanha doméstica na liga inglesa, se bem que não tem tantas certezas sobre a Liga dos Campeões.

"É mais difícil de vencer. Claro que a Premier League não é fácil de vencer, mas a Liga dos Campeões tem todas as melhores equipas da Europa, por isso é que é tão competitiva. O Manchester City nunca a ganhou, então eu quero ajudar a fazer história [na competição]", referiu o jogador, que elogiou o plantel à disposição de Pep Guardiola.

"Temos muitos jogadores jovens com muita qualidade. Com mais outros com experiência e temos uma equipa capaz de competir em todas as frentes. O título na Premier League é importante para o clube nesta temporada, mas a Liga dos Campeões é enorme. Quando se está num clube como o Manchester City tens de se lutar para vencer todas as competições", explicou Bernardo.

Recorde-se que Bernardo Silva, de 23 anos, transferiu-se do Mónaco para o Manchester City esta temporada, numa verba avaliada em 50 milhões de euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.