Pep Guardiola destacou a qualidade no jogo do Manchester City, que permitiu a vitória, esta tarde, por 4-1 frente ao Liverpool.

Em declarações à BBC, o técnico realçou que apesar da grande penalidade falhada por Gundogan, os 'citizens' entraram muito bem na partida.

"Muitas emoções, muitas coisas a acontecerem no jogo. Gundogan falhou um penálti, (...), mas começamos muito, muito bem, a fazer o que queríamos. Na segunda parte, a forma como reagimos ao golo, a forma como jogámos com qualidade fez a diferença", disse.

Guardiola realçou também a importância da vitória para dar seguimento ao bom momento da equipa de Manchester.

"Sabíamos que tínhamos de continuar o que tínhamos vindo a fazer ao longo dos últimos meses e foi isso que fizemos. Por muitos anos, não fomos capazes de vencer aqui, espero que da próxima vez o façamos com público. Anfield é muito intimidador", afirmou.

Já Jurgen Klopp, apesar da derrota do Liverpool, considerou que a sua equipa esteve à altura, mas realçou os erros cometidos pelos 'reds'.

"Vi um bom jogo e grande erros. Em jogos onde fazes estes erros é provável que concedas golos. Penso que podemos concordar que na primeira parte foi um grande jogos, com as duas equipas a tentarem criar problemas uma à outra e gostei de muito do que vi no jogo", começou por dizer, aos microfones da BBC.

"Na segunda parte eles mudaram o sistema e nós não nos mexemos o suficiente no meio. Marcamos e nesse momento era possível que o jogo fosse ao nosso encontro, mas o Alisson cometeu dois erros enormes, deu dois golos e depois um lance de génio de Phil Foden", acrescentou.

Sobre os erros cometidos por Alisson, o técnico do Liverpool considerou que não existia pressão que justificasse os dois erros do guardião brasileiro.

"Não estávamos sob pressão naquelas ocasiões... podes atirar a bola para as bancadas, ele acabou por entregá-la. Tirando isso, o jogo acabava 1-1. A exibição foi boa o suficiente para pelo menos empatarmos e é isto. Temos de seguir em frente e é o que faremos. Não é o melhor momento das nossas vidas, temos de jogar e de jogar bem", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.