José Mourinho já comentou o anúncio de Arsène Wenger de deixar o Arsenal. O técnico mostrou-se solidário pela decisão do técnico francês.

"Se ele está feliz, eu estou feliz. Se ele está triste, eu estou triste. Desejo o melhor aos meus adversários. Se ele está contente com a decisão que tomou e está entusiasmado pelo próximo capítulo da sua carreira e vida, eu estou feliz por ele. Se ele está triste, eu também estou", afirmou Mourinho.

O técnico antecipou ainda o encontro frente a Wenger, em Old Trafford, no dia 29.

"Tenho a certeza que nós, enquanto clube, mostraremos a Wenger o respeito que ele merece", atirou.

A rivalidade entre os dois técnicos começou nos tempos de Mourinho no Chelsea e era bem conhecida no futebol inglês, mas o treinador português desvaloriza os acontecimentos passados e afirma sempre ter respeitado Wenger enquanto colega de profissão.

“Não me arrependo de nada. Só quem está deste lado é que percebe. Por vezes, através das nossas palavras, pode parecer que não nos respeitamos, mas de facto temos muito respeito uns pelos outros, nomeadamente por aqueles com quem temos mais ‘atritos’. No fundo somos todos profissionais da mesma área e respeitamos as carreiras uns dos outros”, disse o treinador do Manchester United.

Mourinho chegou a referir-se ao francês como “especialista no fracasso”, mas hoje reconhece o seu valor enquanto treinador e deseja que a sua saída do Arsenal não seja o fim da sua passagem pelo futebol.

“Três títulos da ‘Premier League’, sete taças de Inglaterra, mais aquilo que ele trouxe para o futebol francês e tudo aquilo que ele deu ao Arsenal enquanto treinador, são factos incontestáveis. Se ele está contente com a sua decisão, eu estou contente por ele, mas espero que não se retire para já do futebol”, concluiu.

Recorde-se que esta sexta-feira a saída de Arsène Wenger depois de 22 anos ligado ao Arsenal.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.