Afinal José Mourinho até pode ter mais semelhanças com Jorge Jesus do que se imagina. À semelhança do agora treinador do Sporting, que confundiu o nome de Lopetegui, o líder do Chelsea também pronunciou mal o nome de Pellegrini, treinador chileno do City.

Em entrevista ao jornal britânico "Daily Mirror", o treinador revelou que não confundiu o nome de Pellegrini de propósito.

"Aconteceu porque tive um jogador chamado Pellegrino e porque há duas pessoas no futebol na mesma altura com apelidos semelhantes. Um era o Mauricio Pellegrino e o outro o senhor Manuel Pellegrini... Confundi-os sempre, sempre. A última coisa que quero é mostrar falta de respeito", afirmou.

O técnico português comentou ainda o teor da entrevista de Pellegrini ao jornal chileno "El Mercurio", na qual o chileno acusa Mourinho de querer sempre o mérito pelos títulos.

"Quando há um treinador que está de férias e ainda assim pensa em mim, nada tenho a dizer. Nas minhas férias não dei qualquer entrevista. Zero. Desde que saí de Londres, zero. Vocês são livres de fazer o que querem, perguntas, respostas, controvérsia, interpelação, reações exageradas. Tudo o que quiserem. Nas minhas férias, zero. Se outros usam o tempo de férias também para dar entrevistas, o problema é deles", afiançou o técnico chileno.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.