A organização britânica Kick It Out, que monitoriza casos de discriminação e racismo no futebol inglês, indicou hoje que as queixas e incidentes reportados aumentaram pela quinta época consecutiva.

De acordo com a Kick It Out, em 2016/17, o número de incidentes subiu 16,7% em relação à temporada 2015/16, com a organização a receber 469 queixas relativas aos vários escalões do futebol masculino e feminino, da ‘Premier League’ às ligas regionais.

Foram entregues 12 queixas relativas a jogadores, treinadores ou dirigentes de clubes profissionais, com 194 casos a envolverem adeptos e 197 referentes a abusos através das redes sociais.

Insultos e outros abusos de ordem racial compõem 48% dos casos incluídos no relatório, com 21% ligados à homofobia, 17% de cariz religioso e 9% relativos a questões de género, entre outros.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.