O Wolverhampton perdeu na noite desta sexta-feira por 3-2 na receção ao Leeds United, na partida que abriu a Jornada 30 da Premier League. A formação orientada por Bruno Lage parecia caminhar para uma vitória confortável depois de chegar ao intervalo a vencer por 2-0, mas permitiu a reviravolta no marcador no segundo tempo.

Os 'Wolves' entraram em campo com quatro portugueses em campo - José Sá, Rúben Neves, João Moutinho e Daniel Podence - mas um deles - Rúben Neves - acabou por ser substituído bem cedo, devido a lesão. Para o seu lugar entrou outro internacional luso, que viria a ter um papel preponderante na primeira parte. Francisco Trincão saltou do banco para substituir o compatriota e poucos minutos depois assistiu Jonny para o 1-0 antes de marcar, ele mesmo, o 2-0, estreando-se assim a marcar na Premier League.

Só que no arranque da segunda parte Raúl Jiménez foi expulso por acumulação de amarelos e tudo mudou. Harrison fez o primeiro do Leeds aos 63 minutos e reduziu para 2-1, Rodrigo empatou três minutos depois e já no período de compensação do segundo tempo deu-se mesmo a cambalhota no marcador, com Aylinga oferecer a vitória ao Leeds.

O Wolverhampton (que contou ainda com Chiquinho e Fábio Silva, que entraram no decorrer dos segundos 45 minutos) perdeu assim a oportunidade de subir, ainda que à condição, ao 5.º lugar da Premier League, mantendo o 8.º posto, com 46 pontos. Já o Leeds chegou aos 29 pontos e, embora continue no 16.º lugar, deu um passo importante rumo à manutenção.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.