O relatório e contas do FC Porto, que averbou prejuízos de 47,627 milhões de euros (ME) na temporada 2022/23, foi aprovado hoje em Assembleia Geral (AG) ordinária pelos acionistas da SAD dos vice-campeões nacionais de futebol.

Em comunicado publicado pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a administração de Jorge Nuno Pinto da Costa detalha que os relatórios e contas individual e consolidado foram ratificados com 99,9995% dos votos a favor, numa sessão realizada no Estádio do Dragão, no Porto, que teve representantes de 84,0574% do capital social.

Igual desfecho teve a declaração sobre a política de remunerações dos órgãos da SAD e respetiva fiscalização, ao acumular 99,9974% das preferências dos acionistas presentes, que aprovaram outra proposta de aplicação dos resultados 2022/2023, com 99,9995%, e concederam também um voto de confiança à administração e fiscalização da sociedade.

O último dos seis pontos da ordem de trabalhos da AG proporcionou por unanimidade a alteração parcial dos estatutos da SAD do FC Porto, que tinha invertido dois exercícios lucrativos consecutivos com o terceiro pior resultado líquido da sua história em 2022/23.

As contas já tinham sido apresentadas em 13 de outubro pelo administrador responsável pelo pelouro financeiro, Fernando Gomes, estando a respetiva apreciação, discussão e votação integrada na ordem de trabalhos da próxima AG de sócios, em 29 de novembro.

Em 2022/23, a equipa comandada por Sérgio Conceição falhou a revalidação do título de campeão nacional, ao ficar no segundo lugar da I Liga, com 85 pontos, a apenas dois do Benfica, mas conquistou a Taça de Portugal pela 19.ª ocasião, e segunda seguida, a 23.ª Supertaça Cândido de Oliveira e uma inédita Taça da Liga, perdendo nos oitavos de final da Liga dos Campeões com os italianos do Inter Milão, finalistas vencidos dessa edição.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.