A Assembleia Geral (AG) da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) aprovou hoje por unanimidade 180,6 mil euros de lucro em 2009/2010 e o orçamento previsto de 14,5 milhões de euros para 2010/2011, além do Plano de Actividades.

Após as duas reuniões (uma ordinária, para discussão e votação de Relatório e Contas e Orçamento e Plano de Actividades, e outra extraordinária, para discutir e aprovar a proposta de alteração do regulamento geral), o líder da LPFP congratulou-se com o decurso dos trabalhos e salientou a “interacção” entre Liga, o seu presidente e os clubes.

“Importante também enaltecer o envolvimento cada vez maior dos clubes na vida da Liga. Esse tinha sido, aliás, um dos aspectos que determinámos como fundamental para o nosso mandato”, disse Fernando Gomes.

O dirigente garantiu ainda que nos primeiros cinco meses de mandato foi possível “concretizar” os objectivos proposto para a primeira época.

O lucro da LPFP subiu para 180,6 mil euros durante a época 2009/2010, temporada coincidente com o último ano da presidência de Hermínio Loureiro.

A Liga apresentou proveitos de 15,3 milhões de euros (contra os 15,1 da época anterior – 2008/2009), dos quais praticamente 75 por cento são provenientes dos patrocinadores.

Além disso, a Liga apresenta três milhões de euros em contas bancárias.

O orçamento para 2010/2011 está previsto em 14,5 milhões de euros, com uma redução de cinco por cento relativamente a 2009/2010 e deve apresentar um lucro de 580 mil euros.

Apesar da redução do orçamento em 815 mil euros, a LPFP estima aumentar os custos com pessoal de 1,2 para 1,5 milhões, valor no qual deve estar incluído o salário do presidente Fernando Gomes, o primeiro a ser remunerado.

Este foi, aliás, um dos assuntos falados na segunda AG, a extraordinária, que abordou também outras matérias dos estatutos discutidos a 11 de Agosto, como a possível mudança da Disciplina e Arbitragem para o seio da Federação Portuguesa de Futebol.

Estas matérias foram aprovadas, de acordo com Fernando Gomes, por “unanimidade, com pequenos ajustamentos”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.