Bruno de Carvalho, presidente do Sporting, já respondeu a Godinho Lopes, que revelou em entrevista à RTP, entre acusações ao atual líder dos 'leões', que esteve perto de contratar Jorge Jesus.

O líder dos 'leões' reagiu com uma mensagem publicada no Facebook.

Confira a resposta de Bruno de Carvalho:

"Em dois anos a nossa RTP já levou Godinho Lopes, por duas vezes, a ser entrevistado. Se na primeira pudemos perceber que afinal a "cartilha" da reestruturação era dele, agora ficamos a saber que Jorge Jesus também já seria treinador do Sporting. Este é o verdadeiro serviço público!"

"Na terceira entrevista, que já deve estar agendada de certeza, ele revelará em primeira mão que nos famosos dossiers que deixou no Sporting também estava lá a negociação, por exemplo de Slimani, Montero, o aproveitamento de William Carvalho e João Mario, entre tantos outros. E claro, também o empréstimo de Nani".

"Agora percebemos todos o porquê de 100 milhões de passivo, o porquê de estarmos a pagar simultaneamente a 5 treinadores e respetivas equipas técnicas, o porquê de cheio de ética e dignidade ter despedido, de um dia para o outro, Domingos, dizendo na véspera que ele era o projeto, o porquê de ter entregue o Clube a fundos, o porquê de criar uma situação com o Fair Play da UEFA que poderia levar a multas enormes e a interdição do Sporting jogar nas competições europeias...E que ele não tinha tempo para gerir pois estava a preparar o meu mandato para eu fazer tudo direitinho! BRILHANTE!"

"Agora só falta uma entrevista a uma revista a dizer como a construção do Estádio, com a sua gestão direta magnífica, poupou milhões ao Sporting!"

"Bem haja Sr. Eng. por existir e me ter tornado a minha tarefa tão fácil! Nunca será esquecido!"

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.