O Benfica foi visitar Tondela e regressou com três pontos na mala. Depois de uma semana marcada pela primeira vitória na 'auto-estrada' da Liga dos Campeões deste ano, o Benfica tirou o pé do acelerador em Tondela e começou a andar em modo 'económico' já de olho nas próximas viagens.

Num jogo sem grande história e com poucas oportunidades de parte a parte, o Benfica sai com a vitória (0-1) graças ao golo de Ferro ainda na primeira parte.

Com este resultado, a equipa de Bruno Lage fica a partilhar o primeiro lugar do campeonato com o FC Porto que venceu a equipa sensação desta época, o Famalicão.

O JOGO: Chiquinho trouxe outro sabor a 2.ª parte 'insossa'

Bruno Lage mexeu no onze que tinha defrontado o Lyon, na passada quarta-feira para a Liga dos Campeões e fez regressar à titularidade André Almeida, Taarabt e Pizzi. Chiquinho, que estava lesionado desde agosto, voltou ao banco ‘encarnado’.

O Benfica começou a dominar e logo aos dois minutos, Pizzi obrigou Cláudio Ramos a meter ‘mãos à obra’.

O Benfica ia tendo mais posse, mas foi o Tondela que teve as duas primeiras grandes oportunidades da partida aos nove e dez minutos, por Denilson e Xavier respetivamente.

Por fim, o domínio do Benfica deu em golo: aos 19 minutos, marcação de canto à esquerda por Grimaldo e Ferro, com facilidade, a cabecear a bola para o fundo da rede da equipa da beira. Estava feito o primeiro (e único) golo da partida.

Com o golo, o Tondela não se escondeu e tentou recuperar a vantagem no minuto seguinte, com Denilson a cabecear a bola por cima da baliza de Vlachodimos.

As equipas recolheram aos relvados e vencia a mais eficaz, apesar do maior perigo do Tondela, era o Benfica que na grande oportunidade de que dispôs saiu em vantagem.

Apesar disso, o Benfica voltou a entrar para a segunda parte como na primeira, dominador e 'mandão', contudo estes seriam uns 45 minutos muito mais calmos que os primeiros, com menos remates e menos jogadas de perigo, no fundo, sem sabor.

O pouco sal que existiu só chegou já aos 63 minutos, quando Lage fez entrar o regressado Chiquinho.

O médio, que entrou para o lugar de Taarabt, estava afastado dos relvados por lesão desde agosto e quis logo fazer o golo aos 76 minutos, de fora de área, obrigando Cláudio Ramos à defesa a dois tempos, naquele que foi o único remate enquadrado da primeira parte.

O Tondela ainda passou alguns momentos na grande área do Benfica, mas nunca conseguiu alcançar o tão desejado golo.

Final da partida e o Benfica repetiu a vitória numa casa onde nunca perdeu, com uma exibição ‘morna’, mas que foi suficiente para ganhar os três pontos, porque, no final de contas, é isso que importa.

O MOMENTO: Minuto 19, o golo de Ferro

Num jogo de poucas ocasiões, venceu a equipa que fez mais com o pouco que teve. Naquela que foi a grande oportunidade do Benfica na primeira metade da partida, Ferro (sem precisar de tirar os pés do chão), fez o golo que deu três pontos importantes, depois de um jogo difícil para a Champions na passada quarta-feira e antes do calendário das 'águias' voltar a 'apertar'.

O MELHOR: Odisseas Vlachodimos

Dos dois guardiões, foi o que mais trabalho teve. Defendeu duas bolas complicadas ainda na primeira parte e antes do golo, que poderiam ter complicado o jogo desde início. Mostrou-se seguro ao longo da partida, mesmo quando o Tondela causou maior perigo.

O PIOR:  Defesa do Tondela, 19 minutos

Num jogo com poucas oportunidades, Benfica marcou na grande oportunidade que teve e isso deveu-se muito à falha de posicionamento da defesa beirã que deixou Ferro praticamente livre de marcação para um cabeceamento que fez abanar as redes do Tondela e abanar as possibilidades de pontuar na recepção ao campeão nacional.

REAÇÕES

Bruno Lage: "Três pontos importantes para sermos campeões"

Bruno Lage: "Estou satisfeito com o resultado"

Gabriel: "Conseguimos fazer o nosso trabalho"

Natxo: "Estivemos à altura e isso deixou-me satisfeito"

Xavier: "Empate era o mais justo"

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.