Mário Jardel confessou que consumiu cocaína quando estava no FC Porto. José Carlos Esteves, antigo médico do FC Porto, já reagiu às declarações do ex-avançado dos Dragões. Super Mário disse ao jornal "Lancenet" do Brasil que o médico dos Dragões tinha conhecimento do seu vício por drogas.

"É mentira. Nunca soube nem tive conhecimento que Jardel consumisse drogas porque fazíamos exames constantemente e nunca acusou nada. Estas situações aconteceram mas depois de ele ter saído do FC Porto", afirmou José Carlos Esteves, em declarações ao jornal ABola.

Jardel confessou que começou a consumir cocaína por causa de problemas pessoais, numa altura em que estava no FC Porto.

"Foi nas férias de 1998 em Fortaleza. Na altura em que jogava no FC Porto. Começou por causa de más amizades, fim de um relacionamento... Fiquei deprimido porque estava sozinho e não tinha apoio. Só usava nas férias. O médico e o fisioterapeuta da equipa sabia, porque contava. Fazia exames todos os dias antes do treino. Até fiquei fechado durante um mês na concentração para conseguir recuperar", contou Jardel ao jornal brasileiro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.