No rescaldo da eliminação da Taça da Liga frente ao Vitória de Setúbal, o Sporting fez alguns ajustes no regresso do campeonato a Alvalade. À partida, Jorge Jesus foi uma das alterações uma vez que o técnico leonino foi expulso no encontro com os ‘sadinos’. No seu lugar ficou Raul José para orientar a equipa no encontro. No relvado, o Sporting trouxe as ‘armas pesadas’ com o regresso de Bas Dost e Gelson ao onze titular.

A escolha do avançado foi uma decisão acertada uma vez que golo no primeiro remate enquadrado com a baliza do Feirense depois de uma assistência de Campbell que ‘rasgou’ a defesa da equipa de Santa Maria da Feira.

A vencer, o Sporting manteve o pé no acelerador e assumiu o controlo do jogo com o Feirense a tentar contra-atacar de todas as formas que fossem possíveis. Com efeito, o segundo golo leonino chegou com alguma naturalidade. Bas Dost recebeu um grande passe de Alan Ruiz e não vacilou perante a baliza.

Já sem Adrien Silva em campo, teve de sair de maca devido a lesão, e com Elias em campo, os ‘leões’ foram mantendo o controlo do jogo à procura do terceiro golo que esteve perto quando Alan Ruiz rematou de primeira após passe de Gelson. O remate do argentino foi defendido para fora.
Até ao intervalo o Feirense dispôs da sua única oportunidade de golo na primeira parte. Canto cobrado na direita e, ao segundo poste, Cris recebeu e peito e rematou à baliza. Valeu Esgaio que colocou o corpo à frente e evitou o golo da equipa de Nuno Manta.

Sem alterações, a segunda parte trouxe mais Sporting, mas com o Feirense a tentar tirar algo do jogo. A equipa de Nuno Manta conseguiu reduzir com um golo de Platiny depois de uma enorme falha na defesa leonino que permitiu espaço para que o avançado batesse Beto.

O golo do Feirense galvanizou a equipa de Nuno Manta que estava de volta à disputa de um ponto em caso de empate. Este período coincidiu com a quebra de rendimento de Alan Ruiz que acabou por dar o lugar ao ‘outro’ Ruiz, Bryan. Mesmo com o costa-riquenho em campo o Sporting não se conseguiu impor como na primeira parte, mas não perdeu o controlo do jogo.

Até ao final o clube leonino manteve a liderança sem ter tido em risco a conquista dos três pontos e até esteve perto do terceiro golo. Destaque para Bryan Ruiz que, isolado perante a baliza, tentou o chapéu que acabou por ir para fora.

Nos descontos, Elias acabou por ver o segundo amarelo quando cortou um contra-ataque ao Feirense.

Com esta vitória o Sporting iguala o SC Braga no terceiro lugar com 33 pontos e mantém a distância de oito pontos para os ‘encarnados’ que seguem no primeiro lugar do campeonato. O clube leonino conseguiu, nesta ronda da prova, ganhar dois pontos aos ‘bracarenses’ e ao FC Porto no topo da classificação da Primeira Liga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.