A Liga Portugal reuniu hoje, em Assembleia-Geral, que teve lugar no auditório João Aranha, na Sede da Liga Portugal, em cumprimento do disposto na alínea a), do n.º 2 do artigo 38.º; na alínea b), do n.º 1 do artigo 39.º; no n.º 1, do artigo 41.º; e nos n.º os 1 e 2, do artigo 42.º dos Estatutos da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, e resultou na aprovação, por unanimidade, do Relatório e Contas referente à época 2020-21.

Este foi o sexto ano consecutivo com resultados líquidos positivos e em linha com o orçamento apresentado – havendo a previsão de um sétimo, como anunciado, no passado mês de Julho, aquando da apresentação do Plano de Atividades e Orçamento para a temporada 2021-22.

As Sociedades Desportivas responderam de forma positiva e unanime ao resultado operacional positivo apresentado, no valor de 1.158.000€ , apesar do forte impacto provocado pela COVID-19 ao longo da época e que exigiu a reformulação de estratégias e a redefinição de algumas atividades previstas, de modo a que o orçamento apresentado pudesse ser, uma vez mais, integralmente cumprido.

Foi também aprovada, por unanimidade, a proposta da Liga Portugal com vista à distribuição do valor de 850.000€ a todas as equipas participantes nas competições profissionais, com o propósito de minorar os impactos provocados pela pandemia e a todos os custos associados à COVID. Os valores subsequentes a este fundo de contingência resultam de um trabalho continuo, de grande esforço e responsabilidade da Liga Portugal e das Sociedades Desportivas.

Todos os pontos da ordem de trabalhos da Assembleia Geral foram aprovados por unanimidade das Sociedades Desportivas presentes.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.