O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, considerou que Deco, que hoje anunciou o fim da carreira profissional, foi um futebolista «fantástico e fabuloso» e que ganhou o estatuto de «lenda» nas seis épocas que representou os dragões.

«É um jogador que fica na história do FC Porto, será um das lendas do FC Porto. Foi um jogador fantástico e que ainda hoje sente o clube. Foi um vencedor no FC Porto, pelo sucesso que alcançou com a conquista de vários títulos, e será lembrado como um jogador fabuloso», afirmou Pinto da Costa em declarações Porto Canal.

Ao serviço dos dragões entre 1998/99 e 2003/04, Deco conquistou uma Liga dos Campeões, uma Taça UEFA, três campeonatos nacionais, três Taças de Portugal e três Supertaças.

No total, fez 226 jogos oficiais pelo FC Porto, tendo marcado 46 golos.

O antigo internacional português, que na terça-feira completará 36 anos e também passou por clubes como o FC Barcelona, Chelsea e mais recentemente o Fluminense, anunciou hoje o fim da carreira de futebolista devido a problemas musculares.

Apesar de ter nascido no Brasil, Deco obteve a nacionalidade portuguesa quando ainda representava o FC Porto e vestiu a camisola das “quinas” por 75 vezes, tendo participado em quatro fases finais de grandes competições (Euro2004, Mundial2006, Euro2008 e Mundial2010).

Por Portugal, o médio sagrou-se vice-campeão europeu em 2004 e fez parte da equipa que chegou às meias-finais do Mundial2006.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.