Deco, antigo jogador do FC Porto e agente de Tiquinho Soares, garantiu esta quinta-feira que foi o clube 'azul e branco' que decidiu não vender o jogador.

De acordo com a imprensa desportiva portuguesa, o avançado brasileiro recebeu uma proposta da China antes do encerramento do mercado, mas a SAD portista acabou por recusar.

"Nunca vou forçar ninguém, nem nenhum clube, principalmente o FC Porto, a tomar nenhuma decisão sobre um jogador que não queira vender. Acredito que todos os jogadores de qualidade nos grandes clubes em Portugal acabam por ter propostas, é natural. O mercado é assim. Vai sempre ser uma decisão do clube e eu vou respeitar, mas enquanto agente do jogador, tento encontrar a melhor solução", explicou Deco.

O antigo jogador do FC Porto e da seleção nacional assinalou, ainda, que os clubes, quando não vendem um jogador, "também têm de procurar compensá-lo de alguma maneira, ainda mais se acham que merece".

"Mas são decisões do clube", vincou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.