João Paulo Rebelo, secretário de Estado do Desporto e da Juventude, exigiu a "erradicação" da violência no futebol, na sequência de um adepto ter sido hospitalizado com uma fratura vertebral, concordando ainda com a mensagem do treinador do Benfica, Bruno Lage, que criticou os desacatos.

"São afirmações que eu de alguma forma compreendo. Temos de perceber que vivemos no Estado de Direito, há uma lei e é nesse sentido que temos de trabalhar. Espero que as suas declarações sirvam para dar exemplo", disse.

João Paulo Rebelo falou ainda sobre a nova lei contra a violência no desporto, que ​​​​​​vai melhorar a prevenção e o combate deste tipo de comportamentos.

"Houve alterações à lei. Aumentaram as sanções, as multas. Criou mecanismos de celeridade processual. Sinceramente, não vejo que possamos fazer mais do que isto", sublinhou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.