Declarações de Jorge Jesus, treinador do Benfica, à Sport TV, após o empate (1-1) com o Estoril, no Estádio António Coimbra da Mota, da 10.ª jornada da I Liga.

Análise ao jogo: "É um resultado difícil de digerir, perdemos dois pontos definitivamente. Pusemo-nos a jeito, tivemos várias oportunidades para fazer o 2-0 e não fizemos. O futebol tem disto. Numa bola parada pode mudar tudo. A equipa do Estoril é uma boa equipa, bem organizada, não é fácil ganhar aqui. Entrámos melhores, a ganhar, na segunda parte ainda melhor. Na última meia hora tivemos bolas fáceis para fazer o 2-0 e acabar com o jogo. Depois há sempre esta esperança do adversário, que pode chegar ao empate numa bola parada e acabaram por ser premiados. É um resultado que mexe psicologicamente com a equipa. Acabámos por perder dois pontos aqui. Estes resultado deixam-nos sempre um pouco desmoralizados porque não esperávamos que fosse acontecer."

Resultado: "Psicologicamente mexe com a equipa. Quando podes ganhar e acabas por perder dois pontos, estes resultados deixam-nos sempre um pouco desmoralizados, porque já não esperávamos que pudesse acontecer."

Ciclo menos positivo: "São ciclos, é verdade que não temos feito tantas vitórias como tínhamos vindo a fazer. Jogar de três em três dias não justifica tudo, jogaram seis que não jogaram em Guimarães, mas notou-se que quando fiz modificações perdemos alguma velocidade. Não é motivo. A bola em que depois sofremos canto é um lançamento lateral, a equipa desconcentra-se. A equipa continuou a discutir com o árbitro e isso foi fatal para sofrermos golo de canto. É um resultado desmoralizador, pelo que a equipa fez na segunda parte. Mas quem se põe a jeito, acontece."

Declarações de Lucas Veríssimo, defesa-central do Benfica, à Sport TV, após o empate (1-1) com o Estoril, no Estádio António Coimbra da Mota, da 10.ª jornada da I Liga.

Análise ao jogo: "Sabíamos que seria um jogo difícil, como foi. Tivemos chances de matar o jogo, fazer o segundo, terceiro e quarto, infelizmente não fizemos. O futebol é isso, quem não faz, acaba por sofrer. Numa bola eles foram felizes e fizeram o empate. Acho que merecíamos ter saído com a vitória. Agora é manter os pés no chão, o campeonato é longo."

Golo sofrido é falta de concentração ou cansaço? "Estávamos concentrados, claro que há um pouco de desgaste, é normal, jogamos de três em três dias. Estávamos a fazer um grande jogo, faltou fazer o segundo golo. Vamos corrigir os nossos erros, o campeonato é longo e no final podemos ter sucesso."

Fase menos boa na temporada: "Nós estamos a trabalhar para fazer cada vez melhor. Infelizmente, os últimos resultados não foram o que nós esperávamos. É continuar a corrigir os erros e no final podemos brigar pelo título e vem coisas boas ainda este ano, tenho certeza."

Golo marcado: "Fui feliz. Toda a equipa está a trabalhar a bola parada ofensiva e defensiva. Fico feliz pelo golo, ajudar a equipa, mas queria ter saído com a vitória, o que infelizmente não acontecer."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.