O Sporting perdeu hoje o terceiro lugar da I Liga para o SC Braga, ao empatar em casa do Rio Ave (1-1), num jogo em que esteve a perder até aos 84 minutos. Os vilacondenses adiantaram-se no marcador logo aos dois minutos, por Lucas Piazón, mas os 'leões', já em inferioridade numérica por expulsão de Coates (71), empataram por Jovane Cabral, na marcação de uma grande penalidade.

No lado do Sporting, Silas voltou ao sistema de quatro defesas e deu a titularidade a Borja, Eduardo, Doumbia e Bolasie - Mathieu Acuña e Vietto eram baixas forçadas e Battaglia foi relegado para o banco. Sem Tarantini, castigado, Carlos Carvalhal apostou em Al Musrati para jogar ao lado de Filipe Augusto.

O médio líbio, que se estreava a titular nos vilacondenses, acabou por estar ligado ao 1-0, logo aos 2 minutos de jogo: cruzamento largo de Filipe Augusto na direita, Al Musrati desviou ao segundo poste em esforço e Lucas Piazón cabeceou para o fundo das redes, assinando o quarto golo da temporada.

A equipa 'leonina' entrou com dificuldades na primeira fase de construção, mas esteve perto do empate aos 9', numa arrancada de Coates, com Matheus Reis quase a marcar na própria baliza quando procurava o desvio - valeu a defesa de Kieszek. Pouco depois, foi a vez de Luís Maximiano defender o remate rasteiro de Nuno Santos.

Enquanto o Rio Ave ia rondando a baliza leonina - era visível o à vontade dos vilacondenses na área contrária - continuava a faltar velocidade ao ataque do Sporting e o melhor que os homens de Silas conseguiram até ao intervalo foi um remate à barra de Eduardo (37').

No segundo tempo, já com Jovane Cabral em campo, foi o Sporting quem começou por criar perigo, com Bolasie a atirar por cima da baliza de Kieszek após uma jogada de insistência. A resposta da equipa da casa não tardou: Nuno Santos abriu em Diogo Figueiras e o lateral atrasou para o pontapé de Diego Lopes, que acabou por permitir o corte de Luís Neto.

Aos 71 minutos, a vida do Sporting complicou-se ainda mais com a expulsão de Coates, que viu o segundo amarelo por falta sobre Taremi, mas o Rio Ave não soube aproveitar a vantagem numérica e acabou mesmo por sofrer o empate a seis minutos do fim. Bolasie caiu na área e Fábio Veríssimo assinalou grande penalidade favorável aos leões, por falta de Borevkovic. Na conversão, Jovane Cabral não perdoou e restabeleceu a igualdade no marcador.

O Rio Ave ainda tentou colocar-se novamente em vantagem através do recém-entrado Carlos Mané, aos 90', mas sem sucesso. Pelo terceiro jogo consecutivo, o Sporting não consegue vencer longe de Alvalade e cai para o quarto lugar, com 36 pontos, tendo sido ultrapassado pelo SC Braga, que tem 37, enquanto o Rio Ave segue no quinto posto, com 33.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.