O antigo ‘capitão’ e atual diretor técnico para o futebol do Benfica, Luisão, sublinhou hoje a consolidação gradual das rotinas inerentes à nova equipa técnica, liderada por Jorge Jesus, por parte do plantel ‘encarnado’.

“Quando se fala do Benfica, mesmo antes de começar a temporada, é sempre com a ambição de conquistar títulos. Estamos com novo treinador, novo processo de jogo, novas rotinas e as coisas têm acontecido pouco a pouco, estão mais consolidadas, para que se chegue ao primeiro jogo da temporada e se conquiste o objetivo de passar [a eliminatória da Liga dos Campeões] e, depois, pensar no início do campeonato”, afirmou.

O brasileiro, acompanhado pela sua família, falava aos jornalistas na inauguração da exposição “Luisão – Dias de Luta, Dias de Glória”, no Museu Benfica – Cosme Damião, que contou com a presença do presidente das ‘águias’, Luís Filipe Vieira, do administrador Domingos Soares de Oliveira e dos antigos jogadores Shéu Han, Valdo e Júlio César, entre outros.

Luisão não escondeu a satisfação pelas novas funções no Benfica, enquanto diretor técnico para o futebol, que assenta em “tirar o máximo daquilo que o jogador consegue colocar dentro de campo, partilhar os valores do Benfica, fazer a ligação entre o balneário e o treinador, para que tenha uma escolha mais difícil e, no fim de tudo, o Benfica vencer os jogos”.

“São dois anos de muita aprendizagem e de muita responsabilidade, pois quando se fala no Benfica, fala-se em paixão, de emoção, de mística e de boa gestão. Cheguei a esta casa há 17 anos e vi a transformação do clube e da minha vida também. Esse é o meu foco. Estou a gostar muito das novas funções, estou a viver o dia-a-dia com a equipa e sei o potencial”, expressou.

Sobre a exposição que retrata a sua história no Benfica, clube a que chegou em 2003 e onde terminou a carreira como futebolista há cerca de dois anos, Luisão confessou ser “um dia de muito orgulho”, no qual está “a realizar um sonho”, agradecendo à base familiar, à “família benfiquista” e a Luís Filipe Vieira.

“São 17 anos e sou um privilegiado por tudo o que aconteceu na minha carreira. O que importa é o futuro e, nesta casa, estou a ter a possibilidade de contribuir também para aquilo que são os objetivos e o futuro do clube”, congratulou-se.

O presidente do clube da Luz, Luís Filipe Vieira, deixou uma curta nota elogiosa ao ex-defesa central e realçou o “percurso de grande felicidade” e os troféus conquistados que fazem de Luisão “um dos mais titulados” futebolistas do Benfica, frisando que “tudo o que se fizer à volta de Luisão, de certeza que é tudo merecido”.

“De certeza que ele [Luisão] vai representar, nas novas funções que tem, aquilo que aprendeu sempre, que é ser um grande benfiquista, grande capitão dentro e fora do campo, e essa mensagem será passada a todos os profissionais deste clube, sejam da primeira equipa, da equipa B ou dos juniores”, ressalvou.

A exposição, que conta com taças ‘levantadas’ por Luisão e objetos relevantes no percurso do ex-internacional ‘canarinho’, tem caráter temporário, mas com data final indefinida.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto