O médio Manuel Curto, que na temporada passada representou o Estoril-Praia, vinculou-se hoje à Naval 1.º de Maio por três temporadas, disse à Agência Lusa Nuno Cardoso, director desportivo do clube da Liga portuguesa de futebol.

Manuel Curto, 24 anos, integrou recentemente o estágio da equipa da Figueira da Foz realizado em Nelas, e convenceu o treinador francês Victor Zvunka.

O jogador iniciou-se no futebol no Torreense, clube da sua terra natal, vindo a concluir a sua formação futebolística no Benfica, clube onde se manteve durante sete temporadas, entre 1998 e 2005.

Depois da extinção da equipa do Benfica B, Manuel Curto representou Torreense e Pinhalnovense em 2006/07, Rio Maior 2007/08 e Estoril-Praia 2008/09 e 2009/10.

O jogador conta na sua carreira com várias internacionalizações, tendo sido campeão da Europa de sub-17 em 2003.
Manuel Curto é a nona contratação da Naval para a presente temporada.

Num outro plano, além da continuada ausência de Fábio Júnior, novo problema surge no clube da Figueira da Foz relacionado com a transferência do defesa central brasileiro Diego Ângelo para os italianos do Génova.

O jogador assinou um contrato de cinco anos com o clube transalpino, todavia, os italianos deixaram expirar os prazos de pagamento, não cumprindo com os acordos assinados”, disse à Lusa o presidente da Naval, Aprígio Santos.

A situação de extracomunitário deixou o jogador sem espaço no plantel, pelo que o Génova admite a devolução do jogador, facto que Aprígio Santos rejeita, alegando haver compromissos assumidos e que devem ser liquidados.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.