Mijatovic, antigo dirigente do Real Madrid e glória do futebol jugoslavo, lembra que o reforço das águias esteve bastante tempo sem competir.

“É, atualmente, o jogador com mais talento entre os jovens do futebol sérvio. Foi campeão do mundo sub-20, depois teve um problema com o Partizan, não chegaram a acordo para renovar o contrato, foi afastado da primeira equipa e teve de treinar-se com as categorias inferiores. Não podia competir e isso foi prejudicial para ele, que é um jogador com um grande futuro à frente”, afirmou Predrag Mijatovic, em declarações ao jornal A Bola, numa entrevista publicada esta segunda-feira.

“Talvez seja preciso ter com ele um pouco de paciência até que consiga chegar ao máximo do ritmo exigido por um clube tão sério como o Benfica e um campeonato tão exigente como o português. Devem dar-lhe um pouco mais de tempo porque tem qualidade de sobra para se afirmar como excelente futebolista”, acrescentou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.