O Benfica não conseguiu aproveitar os empates de Sporting e FC Porto e foi este domingo surpreendido em Aveiro pelo Arouca, que triunfou por 1-0 em partida referente à segunda jornada da Liga 2015/16. Roberto marcou logo aos 3 minutos e os 'encarnados' não conseguiram virar o resultado durante a partida. Para já, o Arouca é líder do campeonato, com duas vitórias em dois jogos.

O Arouca, a jogar em casa emprestada que mais parecia um Estádio da Luz, face à quantidade de adeptos benfiquistas, entrou a todo o gás no encontro e conseguiu um surpreendente golo madrugador. O relógio marcava apenas três minutos quando David Simão recebeu a bola na grande área e assistiu Roberto, que ficou isolado perante Júlio César e atirou a contar.

A equipa treinada por Lito Vidigal aproveitou o ímpeto do golo e não recuou, pelo menos então. Ainda antes dos 10 minutos de jogo, o mesmo Roberto teve uma oportunidade de ouro para dilatar o marcador, mas Júlio César defendeu com o pé e evitou novo golo.

Atarantado, o Benfica demorou a reagir e só depois dos 15 minutos conseguiu ameaçar a baliza de Bracalli. Quando o fez, porém, andou próximo do empate. Aos 17', Mitroglou caiu na área e os benfiquistas pediram grande penalidade, mas Nuno Almeida mandou seguir. Jonas, aos 22', atirou para defesa de Bracalli, antes de Roberto obrigar mais uma vez Júlio César a uma defesa apertada.

Ainda antes do intervalo foi aparecendo Pizzi, com remates perigosos aos 26' e aos 31' que não surtiram efeito. Depois dos 40' foi Mitroglou quem apareceu como homem-alvo a cabecear por duas ocasiões. Na primeira, Bracalli defendeu. Na segunda, o defesa Jailson afastou a bola em cima da linha de golo.

O segundo tempo arrancou como acabou o primeiro: com o Benfica a pressionar em busca do empate e o Arouca a tentar aproveitar brechas na defesa 'encarnada' para voltar a surpreender. Roberto, aos 49', antecipou-se a Luisão após cruzamento de Lucas Lima mas não conseguiu chegar à bola para finalizar. Victor Andrade, que entrou ao intervalo para o lugar de Ola John, tentou agitar o jogo 'encarnado' e arriscou um remate em zona central aos 57', mas a bola foi desviada e saiu do campo.

Os adeptos benfiquistas já preparavam o grito de golo aos 61 minutos quando Gaitán atirou de pé direito à baliza de Bracalli, mas a bola passou a rasar o poste da baliza. O golo do empate tardava e por isso Rui Vitória decidiu tirar Eliseu e Samaris e lançar Carcela e Jiménez, que se estrearam em jogos oficiais pelos 'encarnados'.

O Benfica deu o tudo por tudo em busca, pelo menos, do empate, mas Gaitán atirou por cima aos 82 minutos e Luisão falhou o alvo pouco depois na sequência de um pontapé de canto. Jonas, em cima do apito final, atirou a bola para o fundo das redes, mas o árbitro já tinha apitado por falta de Lisandro e assinalou fim da partida. O Arouca derrotou o bicampeão português e assumiu a liderança da Liga.

Recorde os lances do jogo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.