Pinto da Costa falou da importância da atribuição dos Dragões de Ouro, prémio que distinque os melhores do FC Porto em cada ano. O líder dos azuis-e-brancos sublinhou que outras personalidades mereciam receber o galardão mas é impossível da-lo a todos.

"É sempre uma festa da família azul e branca. Serão galardoados os que durante o ano se distinguiram nas mais diversas formas. Para mim, é sempre um motivo de satisfação, enquanto presidente do clube. Todos os anos é assim. Felizmente, há muita gente que merecia ser distinguido. São opções. Só uma pessoa pode receber. Para o ano serão outros. Espero que continue a ser difícil atribuir os Dragões de Ouro", disse Pinto da Costa, ao PortoCanal, à chegada a gala.

O líder portista falou ainda da emoção de entregar os Dragões de Ouro.

"Estou descontraído durante a animação, mas há momentos especiais como o momento de entregar o Dragão de Ouro ao Luís César. São momentos que me tocam no coração. Depois, com música, pensamos é na música [risos]", atirou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.