Está confirmado: a Supertaça Cândido de Oliveira, entre SC Braga e Sporting, que se joga na próximo sábado, terá público nas bancadas do Estádio Municipal de Aveiro, anunciou esta terça-feira a Federação Portuguesa de Futebol.

"O Estádio Municipal de Aveiro, que vai receber o jogo entre Sporting CP e SC Braga referente à Supertaça Cândido de Oliveira 2021, terá 33 por cento da sua lotação preenchida por adeptos de ambos os clubes", lê-se na nota da FPF.

A decisão, explica a Federação, foi tomada em sintonia com o organismo, o Governo e a Direção Geral de Saúde.

Pedro Proença garante: "Clubes já estão a preparar-se para receber público"
Pedro Proença garante: "Clubes já estão a preparar-se para receber público"
Ver artigo

No Estádio Municipal de Aveiro, os lugares estão reservados aos adeptos dos dois clubes, com a exigência do Certificado Digital COVID-19 ou de um teste realizado anteriormente, com os prazos de realização a variarem conforme do tipo de teste.

Requisitos de entrada:

  • Certificado Digital Covid-19 válido que comprove vacinação completa, ou
  • Teste PCR com resultado negativo realizado até 72 horas antes do jogo, ou
  • Teste antigénio com resultado negativo realizado até 48 horas antes do jogo
  • Temperatura corporal inferior a 38 ºC, mediante controlo de temperatura no acesso ao recinto.

O uso de máscara e o distanciamento físico é obrigatório.

A venda de bilhetes será realizada em exclusivo pelo Sporting e pelo SC Braga a partir do próximo dia 29 de julho.

A Federação Portuguesa de Futebol anunciou ainda que irá organizar sessões de testagem (testes antigénio) em Alvalade e na 'Pedreira' nos dias 30 e 31 de julho, com um custo associado de 10 euros.

Todos os adeptos terão uma pulseira específica para o evento que poderá ser recolhida nas casas dos respetivos clubes aquando da compra do bilhete ou da realização do teste. O levantamento no dia do jogo também é possível.

O SC Braga já deu informações aos adeptos sobre a venda de bilhetes, revelando que o custo dos ingressos varia entre os 10 e os 20 euros, dependendo da categoria do mesmo.

Os bracarenses informar ainda que o bilhete é pessoal e intransmissível, com os adeptos a terem de indicar nome, data de nascimento, número de cartão de cidadão, número de utente e contacto telefónico na altura da compra, para o rastreio epidemiológico.

A venda inicia-se a 29 de julho para os sócios com quota de junho regularizada, estendendo-se a todos os associados na tarde de sexta-feira, 30 de junho, caso ainda existam bilhetes disponíveis.

O Sporting irá igualmente iniciar a venda de bilhetes na quinta-feira, nas bilheteiras do Estádio José Alvalade, dando prioridade aos sócios do clube que foram detentores de Gamebox em 2019/2020 e dependendo das renovações feitas da mesma, começando pelos sócios com 17 renovações de Gamebox, dividindo os períodos de venda em ordem decrescente de renovações.

A venda de bilhetes dividir-se-á em cinco períodos, em três dias: quinta-feira (9h-14h e 15h-20), sexta (9h-14h e 15h-20) e sábado (9h-14h). De realçar que no sábado a venda é aberta a todos os sócios do clube, desde que a quota de junho esteja regularizada.

No dia de hoje, a ministra da Saúde admitiu a “abertura” para a presença de público na Supertaça, descrevendo o jogo como um possível “evento-teste” para o regresso de espetadores às bancadas.

“Em relação ao público nos eventos organizados em ambiente aberto, aquilo que ficou hoje referido pelos peritos foi que há, face a esta situação de aumento da vacinação, possibilidade de fazer essa abertura”, adiantou Marta Temido, em declarações aos jornalistas após a reunião no Infarmed, em Lisboa.

*Artigo atualizado às 20h12

Com Lusa

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.