O Sporting não quer que Jorge Sousa volte a apitar um jogo da equipa de Alvalade, considerando que o árbitro não dispõe de condições para arbitrar os jogos 'leoninos'.

De acordo com o jornal 'Record' na sua edição desta terça-feira o Sporting enviou uma exposição ao conselho de arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, assinada por Frederico Varandas, onde enumera as falhas de Jorge Sousa na partida que colocou SC Braga e Sporting frente a frente no passado domingo e que terminou com a derrota da equipa de Alvalade por 1-0.

Segundo o matutino, o Sporting aborda a dualidade de critérios do juíz em relação à marcação de faltas (Sporting levou sete amarelos em 14 faltas, SC Braga levou três em 15), faz menção à ausência do segundo amarelo a Galeno quando simulou uma falta à entrada da área, à não-intervenção do VAR no lance que envolveu Wallace e Rafael Camacho e também às palavras que Jorge Sousa terá dirigido a Coates aos 10 minutos de jogo ameaçando o capitão do Sporting com o segundo amarelo e respetiva expulsão.

Apesar do clube de Alvalade não pedir diretamente, o objetivo passará por afastar o árbitro da Associação de Futebol do Porto de jogos que envolvam equipas 'leoninas'.

De recordar que não é a primeira vez que o Sporting reclama da atuação de Jorge Sousa: já esta época a atuação do árbitro no Boavista-Sporting (que acabou a expulsão de Bruno Fernandes e na polémica do pontapé na porta) deu que falar e em 2017/2018 Jorge Sousa viu-lhe ser aplicado um processo sumário pela FPF devido às palavras dirigidas a Vladimir Stojkovic, o guarda-redes leonino da equipa B da altura, durante um Real Massamá - Sporting B, na II Liga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.