Declarações de Tiago Tomás, jogador do Sporting, à Sport TV, após o triunfo sobre o Tondela.

Jogo difícil: "Sabíamos que íamos enfrentar um Tondela que tinha trabalhado bem a estratégia, que jogaria em bloco baixo, difícil de entrar. Valeu a entreajuda e acreditámos até ao final. Foi uma boa exibição e conseguimos ganhar."

Teve poucas oportunidades: "Mesmo assim ainda consegui ter duas na primeira parte. Não consegui finalizar, mas mantive-me tranquilo e sabia que mais cedo ou mais tarde havia de chegar o golo. Tenho trabalhado para isso e consegui ajudar a equipa. Se tem outro sabor marcar o golo decisivo? Claro que sim!"

Leva seis golos e bateu registos de Nani, Ronaldo e Quaresma: "É um orgulho para mim. É, acima de tudo, ver que o meu trabalho é recompensado. Estive agora muitos jogos sem fazer golo, mas a equipa toda também de apoiou muito, tal como o próprio mister. Sabia que mais tarde ou mais cedo os golos voltariam."

O Sporting ampliou, este sábado, o seu recorde de invencibilidade no campeonato, ao vencer na deslocação a Tondela, por 1-0, em jogo da 23.ª jornada da I Liga. Em Tondela, onde haviam sido derrotados nas duas últimas temporadas, os ‘leões’ somaram o 23.º jogo sem perder, graças ao golo solitário de Tiago Tomás, aos 81 minutos, e consolidaram a liderança da I Liga, com 61 pontos.

O Sporting comanda uma classificação em que o Tondela, que somou a segunda derrota consecutiva, é 11.º, com 24 pontos, com a equipa de Rúben Amorim a ter 12 pontos de vantagem para o segundo classificado, o Sporting de Braga, que visita na segunda-feira o Famalicão.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.