O presidente do FC Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa, não entrou em euforias após a vitória no clássico frente ao Benfica e lembrou que ainda há o jogo com o Paços de Ferreira para vencer o campeonato nacional.

«Ainda não ganhámos nada e não há motivos para festejar. Uma vitória sobre o Benfica, por si só, não é motivo para festejos. O campeonato ainda não está conquistado e costumam dizer que o final é o mais difícil. O Paços de Ferreira e também o Estoril foram as revelações da época», começou por dizer o presidente do FC Porto ao canal do clube.

«Obrigámos o adversário a jogar defensivamente, a atirar-se para o chão e a vitória foi um prémio justo», acrescentou o dirigente portista deixando ainda um recado ao presidente da EDP, António Mexia, que afirmou que uma hipotética vitória do Benfica iria ajudar o PIB nacional. «Esperemos não ser acusados de prejudicar o PIB», lançou Pinto da Costa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.