A assembleia geral do Sporting da Covilhã, agendada para quinta-feira, foi adiada para data a divulgar, devido às restrições impostas pelo Governo para evitar a propagação da covid-19, informou hoje o clube da II Liga de futebol.

Em comunicado, assinado pelos presidentes da Mesa da Assembleia Geral, Luís Veiga, o presidente da direção, José Mendes, e o presidente do Conselho Fiscal, Carlos Mineiro, é explicado que "não estão reunidas as condições necessárias" para a realização da reunião magna do emblema serrano.

Da ordem de trabalhos constava a apresentação, discussão e votação do relatório e contas do exercício fiscal relativo à última temporada e a assembleia geral estava marcada para o Estádio Santos Pinto e não para a sede, como é habitual.

"Esta resolução prende-se com a declaração da situação de contingência em todo o território nacional, aprovada pelo Conselho de Ministros, que fixou diversas regras destinadas a minorar os efeitos do atual estado de pandemia, nas quais salientam as condições que devem ser tidas em conta na realização de eventos que impliquem uma aglomeração de pessoas", sublinha o comunicado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.