O Leixões conta resolver com a “maior brevidade” a sua situação junto do Fisco e da Segurança Social, para poder competir na Liga de Honra de futebol, disse à agência Lusa fonte do clube.

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional anunciou hoje que Leixões e Belenenses, da Liga de Honra, e Vitória de Setúbal, da Liga principal, viram os respectivos processos de candidatura aceites, mas ficaram “impedidos de registar contratos de trabalho desportivo ou de formação, bem como de utilizar jogadores com contratos registados em épocas anteriores, até que os fundamentos de impedimento sejam sanados”.

“Estamos a trabalhar para resolver a situação com a maior brevidade possível”, disse à Lusa uma fonte do Leixões, sem esclarecer os montantes devidos pelo clube de Matosinhos.

Os três emblemas não cumpriram os requisitos estabelecidos no número 3 do artigo 41.º do Regulamento de Competições, que estipula que os clubes têm de comprovar, mediante apresentação de certidões, a regularização da sua situação contributiva a 30 de Abril da época em curso.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.