O empresário de Miguel, Paulo Barbosa, afirmou que o internacional português não teria renunciado à selecção nacional caso soubesse mais cedo que o sucessor de Queiroz ia ser Paulo Bento. Paulo Barbosa adiantou ainda que houve situações na selecção nacional que deixaram o defesa do Valência magoado.

"Miguel tem uma das melhores opiniões sobre Paulo Bento. Se a nomeação de Paulo Bento tivesse acontecido mais cedo, não sei se Miguel teria renunciado à selecção" adiantou à Antena 1 Paulo Barbosa, empresário do jogador do Valência.

Sobre a forma como Miguel saiu da selecção nacional, Paulo Barbosa admitiu que o jogador se sentiu "ostracizado" por situações que se passaram que se passaram na selecção, nomeadamente opções que não tinham o carácter desportivo.

"O que sempre magoou Miguel foram as coisas que se passaram na selecção, as opções que não têm carácter desportivo. Isso fez com que Miguel se sentisse um jogador proscrito e ostracizado", revelou Paulo Barbosa.

O empresário acredita que o defesa direito ainda tem uma longa carreira pela frente e compreende a decisão de Miguel em renunciar à selecção nacional.

"Miguel marcou a selecção nacional nos últimos oito anos e agora tornou público que se quer dedicar ao clube e à família. Foi uma decisão pessoal que temos que respeitar. Miguel ainda tem muitos anos pela frente e vai continuar a ser um dos melhores laterais direitos a jogar na Europa".

Na apresentação de Paulo Bento na sede da FPF, o novo seleccionador nacional admitiu que poderia convocar Carlos Martins e Varela, jogadores representados pelo empresário. Paulo Barbosa considera que os jogadores têm condições para representar a selecção nacional.

"Claro que sim. São dois jogadores de grande qualidade. Em Portugal não temos muitos jogadores com o seu potencial. Carlos Martins tem feito excelentes épocas. É mais um dos mistérios que ninguém compreende o facto de não ter sido chamado à selecção. Varela tem estado presente em todos os jogos e só recentemente fez a sua estreia".

Sobre o médio do Benfica, Paulo Barbosa revelou que Paulo Bento por diversas vezes deu indicações a Scolari para que Carlos Martins fosse convocado.

"Paulo Bento sempre foi um defensor de Carlos Martins e deu várias vezes indicações para que fosse convocado para a selecção na altura em que Luiz Felipe Scolari era seleccionador nacional".

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.