De não ter avançados puros para três. Fernando Santos revolucionou na convocatória para o duplo confronto de Portugal com a Letónia e o Luxemburgo, chamando três pontas-de-lança puros, depois de ter dito que Portugal não tinha um '9'. André Silva e Gonçalo Paciência do Eintracht de Frankfurt, Éder do Lokomotiv Moscovo, juntam-se a Cristiano Ronaldo, Bruma, Podence e Diogo Jota nos homens da frente de ataque para este duplo confronto que poderá dar o apuramento ao Euro2020.

"O que considero um ponta de lança puro já quase não existe. Só atua na área, na minha altura até chamavam 'pontas de mama'. Mas não quer dizer que não haja avançados com características próximas. Lembro-me do Fernando Gomes e do Rui Águas. O Pauleta jogava a '9', mas era rápido, jogava na profundidade. Domingos não era igual ao Jardel, que era o típico 'ponta de mama'. As equipas eram arquitetadas de forma diferente", começa por explicar Fernando Santos, em conferência de imprensa.

"Portugal tem jogado sempre com avançados, o Cristiano Ronaldo também pode ser um avançado nesse sentido, mas não se situam só nesse espaço do campo. Qualquer um destes jogadores que aqui está, há uns que reúnem condições mais próximas dessas características. O Gonçalo, o André e o Éder têm mais essas características, mas eles nunca jogam sozinhos. Aqui não há a questão do '9'", sublinhou.

Fernando Santos: "Não é novidade nenhuma a qualidade do Paciência"
Fernando Santos: "Não é novidade nenhuma a qualidade do Paciência"
Ver artigo

Com Portugal a medir forças com duas formações teoricamente mais fracas, era importante chamar homens com golos nos pés. E foi o que fez Fernando Santos, com Portugal a ter toda a 'artilharia' pesada para este duplo confronto com letões no Algarve e luxemburgueses fora de casa.

Analisando os avançados chamados, é possível verificar que, juntos, somam 40 golos marcados esta época. O principal destaque é Cristiano Ronaldo: o capitão da Seleção lusa pode não estar a ter a melhor das épocas a nível de golos mas já leva 13 marcados, mais do que qualquer um dos seis avançados convocados pelo Engenheiro. São cinco na Liga Italiana, um na Champions e sete pela Seleção de Portugal em 17 jogos.

Gonçalo Paciência é o segundo na lista. O avançado já merecia uma chamada, concretizada agora, ele que está a ter uma boa época no Eintracht Frankfurt da Alemanha. Soma seis golos na Bundesliga e três na Liga Europa, em 21 jogos.

Éder, que está de volta à Seleção de Portugal, é o terceiro na lista de avançados com mais golos. O 'Herói de Paris tem estado a bom nível no Lokomotiv Moscovo, onde soma quatro golos na Liga russa e uma na Taça, num total de 14 jogos.

Seguem Diogo Jota, do Wolverhampton (três na Liga Europa e um na Premier League em 17 jogos), Bruma, do PSV Eindhoven (dois nas pré-eliminatórias da Champions e dois na Liga Holandesa em 19 jogos). André Silva, do Eintracht Frankfurt, tem três, todos na Bundesliga, em oito jogos.

De todos os avançados chamados, Podence é o que marcou menos: dois golos, ambos na Champions, em 19 jogos pelo Olympiacos.

Fernando Santos diz que Portugal não pode jogar "como os matraquilhos"
Fernando Santos diz que Portugal não pode jogar "como os matraquilhos"
Ver artigo

A concentração dos 25 jogadores convocados por Fernando Santos está agendada para a próxima segunda-feira.

Em caso de triunfo sobre Lituânia, em 14 de novembro, no Algarve, e no Luxemburgo, em 17, Portugal garante o apuramento direto para o Euro2020, mas poderá fazer a festa mais cedo, em solo algarvio, se bater os lituanos e a Sérvia, no mesmo dia, não conseguir ganhar na receção aos luxemburgueses.

A Ucrânia, que já garantiu o primeiro lugar do Grupo B, soma 19 pontos, seguido de Portugal, com 11, da Sérvia, com 10, do Luxemburgo, com quatro, e da Lituânia, que tem apenas um.

Lista dos 25 convocados:

- Guarda-redes: Beto (Goztepe, Tur), José Sá (Olympiacos, Gre) e Rui Patrício (Wolverhampton, Ing).

- Defesas: Nelson Semedo (FC Barcelona, Esp), Ricardo Pereira (Leicester, Ing), José Fonte (Lille, Fra), Pepe (FC Porto), Rúben Dias (Benfica), Ruben Semedo (Olympiacos, Gre), Mário Rui (Nápoles, Ita) e Raphael Guerreiro (Borussia Dortmund, Ale).

- Médios: Danilo Pereira (FC Porto), Rúben Neves (Wolverhampton, Ing), Bruno Fernandes (Sporting), João Mário (Lokomotiv Moscovo, Rus), João Moutinho (Wolverhampton, Ing) e Pizzi (Benfica).

- Avançados: Bernardo Silva (Manchester City, Ing), Bruma (PSV Eindhoven, Hol), Podence (Olympiacos, Gre), André Silva (Eintracht Frankfurt, Ale), Cristiano Ronaldo (Juventus, Ita), Diogo Jota (Wolverhampton, Ing), Éder (Lokomotiv Moscovo, Rus) e Gonçalo Paciência (Eintracht Frankfurt, Ale).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.