Ricardo Horta, um dos estreantes na convocatória da seleção nacional para o confronto contra a Albânia, foi o primeiro jogador a falar à comunicação social esta quarta-feira em Óbidos.

O extremo do Málaga disse estar a viver "um sonho" e salientou que "todos os jogadores jovens sonham em ser chamados à seleção".

"É claro que estou a viver um sonho, sou um jovem muito ambicioso. Estou disponível para tudo e para ajudar Portugal a alcançar os seus objetivos", garantiu, agradecendo ainda aos colegas de equipa pela receção. "Estou muito contente, fui muito bem integrado. Temos um grupo fantástico, uma grande união e só assim podemos alcançar os objetivos".

Contratado pelo Málaga ao Vitória de Setúbal na atual temporada a troco de 500 mil euros, o extremo falou ainda sobre a transferência para o outro lado da fronteira. "Depois da época que fiz [no Vitória], acho que estava destinado a sair. Para mim o Málaga foi a melhor opção", disse o extremo, que jogou na defensiva quando questionado sobre o interesse dos "grandes" no seu passe. "Houve algumas sondagens, mas principalmente na comunicação social", reiterou.

Agora a jogar num dos campeonatos mais competitivos, Ricardo Horta alimenta a esperança de continuar a marcar presença na seleção portuguesa: "No campeonato espanhol jogam os melhores do mundo, incluindo Cristiano Ronaldo. Se eu jogar regularmente posso voltar a ser chamado".

Ricardo Horta falou ainda sobre a prestação de Portugal no Mundial2014, mas lembrou que agora é importante focar no jogo contra a Albânia, um adversário que considera "muito difícil".

"O Mundial já é passado, os portugueses têm de ultrapassar isso. Agora é uma nova etapa e estamos focados em conseguir a qualificação para o Europeu".

Portugal defronta a Albânia no próximo domingo pelas 19h45, em jogo disputado no Estádio Municipal de Aveiro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.