O italiano Roberto De Zerbi anunciou hoje que vai deixar o cargo de treinador do Sassuolo, que ocupa desde 2018, após vencer por 3-1 no terreno do lanterna-vermelha Parma, para a 37.ª jornada da Liga italiana de futebol.

“Antes do jogo com o Génova [em 09 de maio], anunciei ao clube a minha decisão de sair, porque acho eu alcancei o máximo. É uma escolha difícil, mas não acho que possa oferecer mais a esta equipa. Talvez outro faça melhor. Depois de três anos, acho que estamos no topo, sobre todos os pontos de vista”, afirmou De Zerbi, em declarações à estação televisiva Sky Sport.

O Sassuolo ocupa o oitavo lugar da Serie A, com 59 pontos, menos dois do que a Roma, atualmente treinada por Paulo Fonseca.

Segundo a comunicação social italiana, De Zerbi deverá assumir o comando técnico dos ucranianos do Shakhtar Donetsk, sucedendo ao português Luís Castro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.