Stefano Sorrentino, antigo guarda-redes do Chievo, não esquece o duelo com a Juventus da época passada, onde defendeu uma grande penalidade cobrada por Cristiano Ronaldo. A equipa de Turim acabaria por vencer o jogo, mas nem isso serviu de 'consolação' ao português.

"Falei com o Cristiano no início do jogo e combinámos trocar as camisolas no final. Mas depois defendi um penálti marcado por ele. CR7 ficou muito chateado. É um campeão, não lida bem com os erros e aquele foi o primeiro penálti que falhou em Itália. No final do encontro, deu-me os parabéns pela defesa. Estendeu-me a mão, mas não me deu a camisola. Acabei por trocar com o Dybala e também fiquei contente", contou o guardião à Sky Sport.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.