O treinador do Famalicão, João Pedro Sousa, garantiu hoje que a equipa vai defrontar o Benfica “sem medo”, no jogo da quarta eliminatória da Taça de Portugal de futebol, agendado para sábado.

A formação de Vila Nova de Famalicão desloca-se este sábado ao Estádio da Luz para defrontar a formação ‘encarnada’, precisamente o clube que impediu a equipa também liderada por João Pedro Sousa, em 2019/20, de chegar à final da prova.

"Não escondo que me recordo com saudade dessa meia-final, mas nada tem que ver com este jogo. São equipas diferentes. A eliminatória é diferente, o nosso clube é diferente para melhor, portanto em nada vamos relembrar esse jogo para transportar o que quer que seja para este. Se atuarmos com a mesma qualidade e com a mesma competência, perfeito. Mas teremos de o fazer de forma diferente", disse.

Sobre o encontro de sábado, o treinador apontou a estratégia e definiu a forma de tentar travar o adversário da melhor forma.

“Não temos medo. Acreditamos na nossa ideia, os jogadores acreditam, trabalham para correr bem durante o jogo. É isso que vamos fazer. Sabemos a forma como o Benfica tenta pressionar e defender. Vamos tentar explorar alguns espaços, tentar condicionar algumas zonas do campo e pressionar o Benfica com a bola. Onde o Benfica nos pode ferir é com a qualidade individual, capacidade coletiva que, em todos os jogos, aparece”.

Em conferência de imprensa, João Pedro Sousa desvalorizou a inconstância exibicional e de resultados que ultimamente se tem vindo a assistir no Benfica, frisando que essa situação também já aconteceu com a sua equipa.

“Se não vão surgindo vitórias, jogo após jogo, há pessoas a questionar pequenas coisas. Olhando até para nós próprios, percebemos que também passámos pelos mesmos problemas. [Em] jogadores que vieram reforçar o ‘onze’ ou surgiram lesões, ou não se adaptaram, plantel em determinadas posições curto, adversários que alteraram sistema tático”, enumerou.

Por também ter passado pelo mesmo na sua equipa, o técnico acredita que o Famalicão não vai “tirar vantagem, porque o adversário está a pensar da mesma forma”.

“Há problemas, há jogadores que têm de se adaptar melhor, render mais, questões de lesões. Não é por aí, não me parece que essas situações vão condicionar”, reforçou.

 O Famalicão desloca-se no sábado, às 20:45 horas, ao Estádio da Luz, para defrontar o Benfica, em jogo da quarta eliminatória da Taça de Portugal de futebol, que será arbitrado por Manuel Oliveira, do Porto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.