O Sporting qualificou-se hoje para os 'play-off' da Liga dos Campeões de andebol, ao vencer na receção aos turcos do Besiktas, por 34-28, em jogo da nona e penúltima jornada do grupo C, disputado no Pavilhão João Rocha.

Com este triunfo, os 'leões' passam a somar 14 pontos, os mesmos do primeiro classificado da 'poule', os dinamarqueses do Bjerringbro-Silkeborg, que tem melhor diferença entre golos marcados e sofridos (51 contra 28 do Sporting).

Na última ronda do grupo, marcada para a próxima semana, a formação 'leonina' desloca-se, precisamente, à Dinamarca, onde irá decidir o primeiro lugar do grupo com o Bjerringbro-Silkeborg, que também já assegurou a outra vaga de qualificação para a próxima fase.

A pouca velocidade com que as equipas arrancaram o encontro deu a entender a intenção de ambas de quererem estudar-se mutuamente e não desperdiçarem os ataques de que dispunham. Os turcos mostravam poucas soluções para a quebrar a barreira defensiva dos 'leões', dependendo muito das finalizações de Ramazan Done (seis golos na primeira parte).

Mesmo assim, o Besiktas conseguiu ir mantendo a desvantagem mínima, até à entrada para os últimos 10 minutos da primeira parte, quando começaram a vir à tona as fragilidades defensivas e ofensivas dos turcos e o Sporting começou a distanciar-se no marcador.

Com cinco golos na primeira metade (seis em todo o jogo), Nikola Nikcevic foi o principal finalizador dos 'leões', juntamente com Carlos Carneiro, que dispôs de quatro livres de sete metros e não desperdiçou nenhum, ajudando os 'verde e brancos' a atingir o intervalo com uma vantagem de quatro golos (20-16).

No regresso do descanso, a formação comandada por Hugo Canela chegou a ter uma vantagem de seis golos (24-18), só que as aparentes facilidades concedidas pelo adversário 'adormeceram' a equipa de Alvalade.

Mesmo não tendo a vantagem (e o triunfo) verdadeiramente ameaçados, dada a superior qualidade em relação ao Besiktas, o Sporting foi sofrendo golos, mas também desperdiçando situações claras, que o impediram de somar uma vitória mais expressiva.

Jogo no Pavilhão João Rocha, em Lisboa.

Sporting - Besiktas, 34-28.

Ao intervalo: 20-16.

Sob a arbitragem de Péter Herczeg e Péter Sudi, da Hungria, as equipas alinharam e marcaram:

- Sporting: Matevz Skok (gr) (1), Pedro Valdez (2), Edmilson Araújo (2), Frankis Marzo (6), Carlos Carneiro (6), Fabio Chiuffa (2), Ivan Nikcevic (6), Carlos Ruesga (7), Luís Frade (1), Matej Asanin (gr), Bosko Bjelanovic, Nuno Reis (1) e João Gamboa.

Treinador: Hugo Canela.

- Besiktas: Taner Gunay (gr), Nemanja Pribak (6), Tolga Ozbahar (2), Onur Ersin (3), Marko Lasica (4), Tomislav Nuic (2), Ramazan Done (7), Hassan Hendawy (gr), Ozgur Sarak, Josip Buljubasic, Mehmet Demirezen (2), Baran Nalbantoglu e Marko Krsmancic (2).

Treinador: Mufit Arin.

Marcha do marcador: 3-2 (05 minutos), 6-5 (10), 9-8 (15), 12-10 (20), 16-12 (25), 20-16 (intervalo), 21-17 (35), 24-20 (40), 27-24 (45), 30-25 (50), 31-27 (55) e 34-28 (resultado final).

Assistência: 1.449 espetadores.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.