A liga norte-americana de basquetebol (NBA) anunciou hoje alterações ao modelo ao jogo All-Star, que anualmente coloca frente a frente os melhores jogadores das conferências Este e Oeste.

De acordo com a NBA, as alterações entrarão em vigor já na edição de 2018 do ‘All Star Game’, que se realiza a 18 de fevereiro em Los Angeles, na Califórnia, e preveem que seja o capitão de cada equipa a escolher os restantes elementos, independentemente da conferência a que pertençam.

Com esta mudança, destinada a devolver competitividade ao jogo, os dois jogadores com o maior número de votos dos adeptos escolhem quem os irá acompanhar, de entre o lote de jogadores previamente votados como titulares e suplentes e cujo estatuto terá de ser mantido.

Os ‘cincos’ iniciais continuarão a ser escolhidos num sistema que combina a votação de adeptos, jogadores e imprensa, com os treinadores de cada conferência a selecionar os sete suplentes de cada equipa.

As receitas do jogo reverterão para uma instituição de caridade, nacional ou de Los Angeles.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.