Egan Bernal venceu a 16.ª etapa do Giro d'Itália e aumentou a vantagem na liderança da prova, estando muito bem colocado para arrecadar mais uma grande volta.

O colombiano da INEOS completou a tirada (que sofreu um encurtamento devido às condições meteorológicas) em quatro horas, 22 minutos e 41 segundos, cavando uma vantagem de 27 segundos sobre Romain Bardet (DSM) e Damiano Caruso (Bahrein Victorious).

Bernal tem agora dois minutos e 24 segundos de vantagem sobre Caruso, 2.º classificado e três minutos e quarenta segundo sobre Hugh Carthy (Education First-Nippo).

João Almeida foi sexto na tirada de hoje e subiu ao 10.º lugar da geral, estando a 10 minutos e um segundo de Bernal.

Hoje era dia de etapa rainha no Giro d'Itália, mas as condições climatéricas que poderiam registar-se na região dos Dolomitas levaram a organização a encurtar a distância e a retirar as duas subidas mais exigentes da etapa: o Passo Pordoi e o Passo Fedaia.

Na terça-feira o pelotão cumpre o segundo e último dia de descanso, antes da difícil última semana, a caminho da 21.ª e última etapa, um contrarrelógio individual em Milão, no domingo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.