O ciclista suíço Marc Hirschi (Sunweb) fugiu hoje para a vitória na 12.ª etapa da Volta a França, depois de vários ataques nos dias anteriores, com o esloveno Primoz Roglic (Jumbo-Visma) a manter a liderança da geral.

Na etapa mais longa da 107.ª edição do Tour, uma ligação de 218 quilómetros entre Chauvigny e Sarran Corrèze, Hirschi isolou-se na derradeira dificuldade da jornada, cortando a meta com o tempo de 05:08.49 horas.

O francês Pierre Roland (B&B Hotels-Vital Concept) foi segundo, a 47 segundos, e o dinamarquês Kragh Andersen (Sunweb) foi terceiro, a 52, enquanto o pelotão chegou a 02.30 minutos.

O esloveno Primoz Roglic mantém-se de amarelo e vai partir, na sexta-feira, para os 191,5 quilómetros entre Châtel-Guyon e o alto de Puy Mary Cantal, que incluem sete contagens de montanha, duas das quais de primeira categoria, com 21 segundos de vantagem para o colombiano Egan Bernal (INEOS) e 28 para o francês Guillaume Martin (Cofidis), respetivamente segundo e terceiro da geral individual.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.