O russo Sergey Shilov (Lokosphinx) somou hoje o segundo triunfo no Troféu Joaquim Agostinho em bicicleta, ao vencer a segunda etapa, em Torres Vedras, onde o espanhol Delio Fernández (W52-Quinta da Lixa) segurou a liderança por um segundo.

Shilov, que venceu o prólogo, na quinta-feira, impôs-se ao 'sprint' no final dos 143 quilómetros entre Ameal e Torres Vedras, em 3:38.29 horas, à frente do francês Romain Guyot (Vendée U Pays de la Loire) e do espanhol Egoitz García (Murias Taldea), segundo e terceiros classificados, com o mesmo tempo do russo.

Delio Fernández foi o quarto a cruzar a linha de meta, também com o tempo do vencedor, e conseguiu segurar o primeiro lugar, com um segundo de vantagem sobre Shilov, enquanto João Benta, que foi quarto na tirada, ocupa agora o terceiro posto na geral, a três segundos.

O espanhol Alejandro Marque (Efapel), vencedor da Volta a Portugal em 2013, protagonizou uma fuga na fase inicial da etapa, antes de se iniciarem as cinco voltas a um circuito que incluía as subidas do Varatojo e da serra da Vila.

Na última passagem pela serra da Vila, destacaram-se seis corredores, entre os quais Delio Fernandez, Benta e Alberto Gallego (Rádio Popular-Boavista), quarto na geral a seis segundos do líder, mas a ‘fuga’ foi anulada na abordagem à meta, onde Shilov foi o mais rápido.

“A etapa foi muito rápida. Na primeira fase o vento era muito forte e não podíamos deixar a fuga ganhar muito tempo. No circuito os adversários atacaram muito. A equipa trabalhou de forma espetacular durante toda a etapa. Na última subida coube-me defender pessoalmente a camisola amarela. Foi pena que o grupo que se destacou tenha sido apanhado já em cima da meta”, afirmou Delio Fernández, prometendo lutar “até ao limite das forças” para manter a amarela.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.