O português Nélson Oliveira vai disputar pela quinta vez a Volta a França em bicicleta, entre sábado e 20 de setembro, confirmou hoje a equipa espanhola Movistar, que tem como ‘chefes de fila’ Alejandro Valverde e Enric Mas.

Nélson Oliveira é um dos oito escolhidos do diretor-desportivo Eusebio Unzué para a 107.ª edição do Tour, juntamente com Valverde e Mas e os seus compatriotas Marc Soler, Imanol Erviti, José Joaquín Rojas e Carlos Verona e o italiano Dario Cataldo.

O português tem como melhor classificação na ‘Grande Boucle’ o 47.º lugar em 2015, contando ainda as participações em 2014, 2016 e 2019, quando terminou nas 87.ª, 80.ª e 79.ª posições.

“Superfeliz de estar presente em mais um Tour ao lado desta grande equipa Movistar”, escreveu o corredor natural de Anadia, na sua página no Facebook.

Aos 31 anos, o português vai cumprir a sua 12.ª ‘grande Volta', depois de em 2016 ter sido terceiro no contrarrelógio individual da 13.ª etapa, atrás do holandês Tom Dumoulin e do britânico Chris Froome.

O espanhol Antonio Pedrero e o belga Jürgen Roelandts ficaram como corredores de reserva na equipa espanhola, depois de terem estado concentrados nos Alpes, para "preservar o bloco do ponto de vista sanitário", devido à pandemia de covid-19 e conhecerem algumas etapas.

A 107.ª edição da Volta a França foi adiada para o período entre sábado e 20 de setembro, devido à pandemia de covid-19, servindo como primeira das ‘grandes Voltas', antes do Giro e da Vuelta, em outubro.

O Tour vai percorrer 3.484 ,2 quilómetros em 21 etapas, arrancando em Nice e terminando nos Campos Elísios, em Paris.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.